A necessidade do novo nascimento

A Necessidade do Novo Nascimento
Lição 7 
- 13 de Agosto de 2017
Texto Áureo: 
"Não te maravilhes de te ter dito: Necessário vos é nascer de novo." Jo 3.7
Leitura Bíblica em Classe
: João 3.1-12
Introdução: A necessidade do novo nascimento é uma condicional divina para todos os pecadores serem reconciliados com Deus. Todos os seres humanos que nascem já nascem irreconciliados com Deus motivado pela sua natureza pecaminosa herdada de Adão. Assim o ser humano continuará se não mortificar a sua natureza carnal que o levará ao juízo final. O pecado original que mantém o homem preso a sua natureza carnal precisa ser expiado pelo sangue de Cristo para que o homem se livre dessa natureza pecaminosa e possa ocorrer a vivificação do seu espírito que estava mortificado por causa do pecado. A vivificação do espírito é o motivo pelo qual Jesus disse que é necessário o novo nascimento, que significa a ressurreição espiritual.
ESPÍRITO VIVIFICADO É CÉU E MORTIFICADO É INFERNO. NISSO PENSAI
01 - A religiosidade sem o novo nascimento é o caminho que conduz a perdição eterna
João 3.1 E HAVIA entre os fariseus um homem, chamado Nicodemos, príncipe dos judeus.

Nicodemos era um membro do Sinédrio e douto nas Escrituras Sagradas, porém limitado ao que entendia delas, pois os judeus embora guardiões das escrituras, não a compreendiam como deveriam compreender. Sabendo que Jesus pregava algo além das suas linhas de pensamento, se interessou e foi procurar o Senhor para solucionar suas dúvidas e conflitos interiores, a qual vivia mergulhado. Assim desejando mais respostas vai naquele que as tinha, logicamente o Senhor.
02 – Só poderão escapar da perdição eterna quem se liberta da cegueira espiritual
João 3.2 Este foi ter de noite com Jesus, e disse-lhe: Rabi, bem sabemos que és Mestre, vindo de Deus; porque ninguém pode fazer estes sinais que tu fazes, se Deus não for com ele.

Nicodemos vê provas somente de que Deus está com Ele, sem expor as suas convicções religiosas a respeito das escrituras, pois tinha receio de comprometer-se muito diante do Senhor e dos seus discípulos. Ele achava que entendia tudo a respeito das escrituras, mas interiormente ele não tinha uma convicção firme de que estava totalmente no caminho.  Na realidade ele iria saber que estava vivendo numa cegueira espiritual.
03 – Cegueira espiritual só se esvai quando se corrige o que está no homem interior 
João 3.3 Jesus respondeu, e disse-lhe: Na verdade, na verdade te digo que aquele que não nascer de novo, não pode ver o reino de Deus.

Jesus mostrou a Nicodemos que a sua base religiosa era frágil e sem fundamento e sabiamente mostra a Nicodemos a existência de um alicerce mais profundo na qual a sua fé deveria ser sustentada. A visão espiritual de Nicodemos precisava ser corrigida mediante uma transformação completa no seu homem interior, e que sem essa transformação ele continuaria sendo apenas o velho homem.
04 – O homem interior é um morto que não tem condições de pensar além do nascimento físico 
João 3.4 Disse-lhe Nicodemos: Como pode um homem nascer, sendo velho? Pode, porventura, tornar a entrar no ventre de sua mãe, e nascer?

Pelo processo biológico todos vêm à vida, mas isso envolve somente a parte corporal, mas não podemos esquecer que no momento em que a semente fecunda um óvulo, Deus gera um espírito totalmente puro, num corpo com o pecado original. Nesse caso, o espírito fica mortificado até que a alma e corpo se libertem do pecado. Enquanto o homem não se converter a Cristo não há essa libertação do espírito para que ele possa se reconciliar com Deus. Era algo incompreensível para os judeus que eles necessitassem de um novo nascimento.
05 – O nascimento físico só só poderá ser completado com o nascimento do espírito
João 3.5 Jesus respondeu: Na verdade, na verdade te digo que aquele que não nascer da água e do Espírito, não pode entrar no reino de Deus.

Nascer de novo significa nascer do Espírito, ou seja, o Espírito Santo realiza no homem essa operação espiritual para que ocorra o novo nascimento. No nascimento biológico foi necessário dois pais, ou seja, o pai e a mãe para que acontecesse o nascimento físico e no nascimento espiritual é preciso dois pais para que ele aconteça esse nascimento espiritual, o qual é o Espírito de Deus e a Palavra de Deus.
06 – O nascido do espírito deve deixar a sua natureza carnal e assumir a natureza espiritual
João 3.6 O que é nascido da carne é carne, e o que é nascido do Espírito é espírito.

O oposto de vida é morte, e quem não crê em Cristo continuará como homem carnal, pois o seu espírito continua mortificado e na continuação se não houver alteração o destino é a condenação eterna. Quem não nasce no Espírito continua com a velha natureza adâmica e o único meio de se livrar dessa velha natureza é aceitando Jesus, pois em nenhum outro há salvação.
07 – Para alcançar a natureza espiritual é necessário que haja o nascimento do Espírito
João 3.7 Não te maravilhes de te ter dito: Necessário vos é nascer de novo.

Se a natureza espiritual não for alcançada pelo homem, ele não terá acesso ao reino de Deus, pois só a natureza espiritual poderá ver e entrar no reino de Deus. Tudo que o homem é em sua natureza carnal, é contrário ao mundo espiritual, portanto é indispensável o novo nascimento, o qual é realizado por uma operação sobrenatural do Espírito Santo, quando ocorre a conversão a Cristo.
08 – O nascido do Espírito não pode se guiar, porque deve ser guiado pelo Espírito
João 3.8 O vento assopra onde quer, e ouves a sua voz, mas não sabes de onde vem, nem para onde vai; assim é todo aquele que é nascido do Espírito.

Nicodemos estava acostumado com uma espiritualidade ritualística onde todo sistema de adoração era cerimonial. Assim ele precisava entender que através do novo nascimento as coisas não seriam mais assim. Isso porque, o novo nascimento nos leva a uma renovação acima da nossa imaginação, pois tudo se realiza pelo poder e a eficácia do Espírito Santo no homem renovado. Nessa nova condição é o Espírito Santo que nos conduz em todas as coisas, incluindo a nossa adoração a Deus.
09 – Quem é guiado pelo Espírito deve deixar de ser mestre para ser um eterno aprendiz
João 3.9 Nicodemos respondeu, e disse-lhe: Como pode ser isso? João 3.10 Jesus respondeu, e disse-lhe: Tu és mestre de Israel, e não sabes isto?

O orgulho pessoal é uma barreira para a compreensão das coisas espirituais, pois pessoas assim revelam que querem ser mais sábios do que é, e agindo assim tentam limitar inutilmente o infinito poder de Deus, com uma capacidade medíocre. O que Jesus fala para Nicodemos não é uma fábula como ele estava insinuando e objetando e contradizendo. Pessoas assim são duras de compreender as verdades espirituais.
10 – Quem não se torna um aprendiz do Espírito não tem como compreender a palavra
João 3.11 Na verdade, na verdade te digo que nós dizemos o que sabemos, e testificamos o que vimos; e não aceitais o nosso testemunho.

Embora os ensinos de Jesus acerca do novo nascimento estavam solidamente dentro das doutrinas da regeneração do Antigo Testamento, Nicodemos ainda não havia compreendido e estava um tanto incrédulo quanto a isso. Não são todos que aceitam a mensagem do evangelho com facilidade, principalmente aqueles que se julgam entendidos na sua suposta religiosidade. Isto porque, o homem natural não aceita as coisas do Espírito de Deus, porque lhe é loucura; e não pode entendê-las. Os judeus eram ignorantes quanto ao novo nascimento, mas Jesus falava a verdade quanto a regeneração que o homem precisava alcançar para ser salvo.
11 – A palavra só se compreende pelo Espírito porque ela se discerne espiritualmente
João 3.12 Se vos falei de coisas terrestres, e não crestes, como crereis, se vos falar das celestiais?

Mesmo depois de ouvir todas as explicações a respeito da regeneração necessária para o novo nascimento, Nicodemos continuava não entendendo o respeito disso. Nicodemos que era mestre em Israel conhecia as escrituras, mas não era capaz de compreender as suas verdades. As coisas terrenas que Jesus fala a Nicodemos se referem às coisas que acontecem no plano terreno, tais como o novo nascimento, o vento e até os milagres. Se Nicodemos era um tanto incrédulo quanto a essas coisas é evidente que ele não iria compreender acerca da ascensão de Cristo, como também sobre a vinda do Espírito Santo. Somente pessoas espirituais podem compreender as coisas espirituais.
Elaborado pelo Pastor Adilson Guilhermel

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fale com o Pastor Adilson Guilhermel

Google Analytics